MISSIONÁRIOS CLARETIANOS

FILHOS DO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA

Os missionários claretianos nasceram quando o Padre Claret, inspirado no Coração de Maria, quis fazer com os outros o que não podia: proclamar o Evangelho de Jesus Cristo até os confins da terra.

Desde aquele ano de 1849 tem havido muitos que, seguindo os passos de Jesus no estilo de Claret, entregaram a vida a Deus ea outros como evangelizadores.

Em 6 palavras, é isso que nós, claretianos, somos e vivemos:

PROCURADORES de Deus e seu Reino;

Na origem da nossa vida é a única realidade que pode nos sustentar: o AMOR. Deus nos amou e queremos corresponder ao seu amor: buscamos o rosto dele, tentamos mostrá-lo a todas as pessoas e acolhemos o seguimento de seu Filho como nossa suprema regra de vida.

MISSIONÁRIOS, enviado por Jesus, onde ele quer chegar;

Nós seguimos Jesus como Missionários: O Evangelho apaixona-se por nós e nós estamos disponíveis para sermos enviados onde quer que Deus nos queira anunciá-lo e colocar nossa casa em qualquer parte do mundo.

ENAMORADOS do Evangelho para trazer aos outros essa Boa Nova;

Anunciamos o Evangelho por todos os meios possíveis: escolas, paróquias e igrejas, missões em outros países, vocações infantis e juvenis pastorais, equipes missionárias, formação de agentes pastorais, pastoral familiar, pregações itinerantes, conscientização missionária, voluntários, ONGs, internet, editores, publicações, centros de estudos teológicos, faculdades, casas de espiritualidade…

EM COMUNIDADE: levamos a cabo nossa vida e missão juntas, unidas por algo em comum;

Seguimos Jesus vivendo na comunidade </ b>: homens de diferentes idades, origens, línguas, raças e culturas; unidos pelo mesmo chamado e pelo mesmo espírito; uma comunidade organizada de acordo com a missão que realizamos.

ENTREGADOS: como Jesus, entregamos nossas vidas ao Pai e ao seu plano de salvação no mundo;

Seguimos Jesus dando nossas vidas como pessoas consagradas: Vivemos em castidade, pobreza e obediência porque queremos responder generosamente ao amor de Deus. Amar com tudo o que somos e amar todas as pessoas, especialmente aquelas que não se sentem amadas.

COM CORAÇÃO: Como Maria, queremos fazer tudo do coração e com muito amor.

Nós seguimos Jesus como Filhos do Coração de Maria </ b>: A partir deste coração aprendemos a ouvir e acolher a Palavra que vamos anunciar, a viver do serviço, a cuidar dos detalhes diários ao lidar com as pessoas … Maria nos ensina que sem coração, ternura e amor, nossa missão não é credível.

convivencia vocacional
0
NÚMERO DE CLARETIANOS
0
PAISES COM PRESENÇA
0
FUNDAÇÃO ANO


É o nosso modo de ser homens, cristãos, religiosos, apóstolos e alguns sacerdotes. Somos e nos sentimos amados filhos de Deus e Maria, de todo o coração. Deus nos faz queimar em caridade para com ele e seu próximo.

NOSSO PROCESSO DE TREINO

para ajudá-lo a descobrir sua vocação, oferecemos várias opções

Depois de ter feito um processo inicial de discernimento da vocação missionária, o caminho formativo dos missionários claretianos articula-se em torno de três grandes etapas: preparação, iniciação e consolidação. O conjunto da estrada dura vários anos, de acordo com as características e necessidades de cada pessoa. O objetivo final é “promover o crescimento na união e configuração com Cristo, segundo o carisma claretiano na Igreja, através de um processo de personalização, em cada situação concreta e aberto à universalidade” (Plano Geral de Formação, nº12).

timeline_pre_loader
INÍCIO DO PROCESSO DE FORMAÇÃO
null

Estágio de Preparação

O estágio de preparação, que é conhecido como postulancy. Dura entre seis meses e dois anos, de acordo com as necessidades. Destina-se a ajudar a pessoa a preparar-se para iniciar a iniciação na vida missionária.
null

Estágio de iniciação

O estágio de iniciação é o noviciado, cuja duração normal é de um ano, embora às vezes possa ser estendido para no máximo dois. O noviciado é um tempo de iniciação integral no seguimento de Cristo segundo o carisma claretiano.

null

Estágio de Desenvolvimento e Consolidação

O estágio de desenvolvimento e consolidação é o mais longo de todos. Abrange desde a primeira profissão até a profissão perpétua (no caso dos Irmãos Missionários), ou mesmo a ordenação sacerdotal (no caso dos candidatos ao ministério ordenado). Normalmente, dura entre três e seis anos.

FIM DO PROCESSO DE FORMAÇÃO
null

Em treinamento contínuo

A formação inicial não supõe o fim do processo formativo. O Claretiano vive toda a sua vida em um processo contínuo de formação

Alguns, depois de alguns anos de atividade missionária, realizam estudos de especialização. Todos aqueles que fizeram profissão perpétua estão seguindo um projeto de renovação espiritual chamado “A Forja na vida cotidiana”, cujo objetivo é ajudar as pessoas e comunidades a se tornarem conscientes do momento em que vivemos, reacender a experiência vocacional e crescer em entusiasmo. missionário

VOCÊ QUER SE COLOCAR NA FRENTE DE DEUS E

POSTAR SUA VOCAÇÃO?

Para ajudá-lo a descobrir sua vocação, oferecemos várias opções

contacta

Se você quiser entrar em contato, preencha o formulário e entraremos em contato com o Claretiano mais próximo.

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text. captcha txt

Start typing and press Enter to search